top of page

Em busca de mim

Li a autobiografia da Viola Davis e assisti o filme a Mulher Rei hoje. Constatei, mais uma vez, como é solitário o caminho de mulheres corajosas.

A lista das pessoas das quais preciso abrir mão só faz aumentar e ler Viola Davis só faz aumentar a minha necessidade de me proteger daqueles que me punem por ser como sou. Estou conhecendo quem eu sou de verdade. E o que sou, despreza os que esperam que eu os trate bem quando são mesquinhos comigo. E continuam achando que ainda usufruem de mim na base do "take for granted".

Antes era mais fácil. Eu não desprezava as pessoas que faziam isso. Agora tenho asco de quem me subestima a ponto de achar que sou tão legal que não reparo no egoísmo, intolerância, descuido.

Espero consegui me encontrar sem esganar essas pessoas, mas tá difícil.

Yorumlar


Últimos textos
Arquivo
bottom of page